Guilherme Guerra – Conhaque, Cerveja e Vinho (Part. Fabinho e Rodolfo)
Por Fernando - 17 de junho de 2016

Letra: Guilherme Guerra – Conhaque, Cerveja e Vinho (Part. Fabinho e Rodolfo) guilherme-guerra-sertanejo-fabinho-e-rodolfo-2016

Ai essa paixão tá me fazendo mal
Desde que largamos não me sinto bem,
é tão estranho
Te ver em uma roda de amigos
bebendo sorrindo, tentado esquecer
Os momentos que juntos passamos,
as carícias as brigas os planos

Foi engano, foi engano;

Aí você se vê na fria de curtir a vida
Sem rumo sem destino sem razão alguma
Encara qualquer uma pensando na sua;
Aí é conhaque é cerveja é vinho
E eu que pago a conta sozinho
Quem vive de orgulho morre de saudade
E nesse caso a sua ausência me invade
Me invade.

down-botao-1down-botao-2
Blogueiro, divulgador, graduado em Ciências Contábeis; tonobuteco.com & sertanejona.com; parceiro no projeto Lucas Reis & Thácio! ? fernando.buteco
Parceiros