Paulo e Cabral – Moda Xônada
Por Fernando - 17 de Maio de 2015

Letra: Paulo e Cabral – Moda Xônada paulo-e-cabral-moda-xonada

Eu duvido quando você
estiver sozinha em casa
Você não vai pensar em mim
Eu duvido quando passar
num lugar que a gente ia
Você não vai lembrar de mim

Eu duvido, quando te falarem
que eu já to em outra
Você não vai querer saber
Eu duvido quando você se der conta que acabou
Você não vai enlouquecer

Quando ficar com outro
E ele lembrar o meu jeito
Se enganando e não será eu
Perdida em algum bar pensativa calada
Se no rádio tocar aquela
Moda Xônada

Vai bater ressentimento vai
Consolar toda sua mágoa
Em mil doses de cachaça
Vai bater arrependimento vai
Mesmo em meio à multidão
Se sentindo abandonada

Quando ficar com outro
E ele lembrar o meu jeito
Se enganando e não será eu
Perdida em algum bar pensativa calada
Se no rádio tocar aquela
Moda Xônada.

downloadtnb

Blogueiro apaixonado por música; CEO no Blog Tô No Buteco; graduado em Ciências Contábeis e parceiro no projeto Lucas Reis & Thácio.

Parceiros
error: Conteúdo Protegido! www.tonobuteco.com